In Memoriam

Este é o canal de conteúdo do Grupo Cortel, trazendo curiosidades, informações e dúvidas sobre cremação e assuntos relacionados aos serviços que oferecemos. 

04_blog_crem_plano

SEGUINDO EM FRENTE

Nunca será fácil superar a perda de alguém querido e próximo, mas, de alguma forma, é necessário seguir em frente, tanto por você quanto por eles. Algumas atitudes simples podem auxiliar nesse processo, o qual, muitas vezes, pode levar uma vida inteira. 

Chore quando tiver vontade. Esconder os sentimentos só dificulta as coisas. Sentir falta é natural, principalmente daqueles que mais se ama. Não guarde frustrações e foque nos momentos bons que viveu junto a quem se foi.

Um bom fim para objetos materiais. Sempre haverá uma coisa especial que você vai querer guardar: um belo vestido, o chapéu preferido, uma aliança. Porém, ajudar o próximo com roupas casuais, sapatos usados e outras coisas menores pode ser um gesto nobre, algo digno de quem não está mais aqui e, mesmo assim, indiretamente, está fazendo o bem.

Não deixe de lembrar. Muitas pessoas confundem superar a perda com esquecer e isso é errado. Guarde fotos, coloque porta retratos pela casa, e, sempre que o coração apertar, você terá uma memória física e material para olhar, trazendo a sensação de proximidade em momentos assim.

Conte histórias. Quando os mais novos, que tiveram pouco contato, perguntarem como eram aqueles que não mais aqui, conte dos bons momentos. Transmita a alegria que foi conviver com seus entes queridos. Isso os ajuda a entender o lugar deles na família e também a você a ver com clareza os laços que, mesmo distantes, continuam fortes na sua família.

Ter novos planos. As responsabilidades e a rotina logo cobram um preço para quem tentar ficar parado no tempo, então não faça isso. Saia com amigos, visite parentes, faça um viagem. Não deixe viver por perder alguém, certamente quem se foi não gostaria disso.

Não esqueça do foi ensinado. Todos aqueles que se convive por muito tempo sempre deixam alguma lição importante. Mostrar respeito pelo que foi ensinado e a melhor forma de honrá-los.

Lembre-se que vivemos em sociedade: se a dor da perda estiver muito forte, existem pessoas que podem lhe ajudar, como psicólogos e grupos de ajuda. O Grupo Cortel, periodicamente, oferece palestras de apoio aos enlutados com esse propósito de ajudar a todos.

Atualizar Cadastro